Portal SET
Portuguese English French Spanish

Linhas de pesquisa

Ao longo dos vários anos de atividade, as linhas de pesquisa do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Estruturas passaram a incorporar um vasto campo de estudos, englobando tanto áreas básicas, como a análise numérica e a mecânica das estruturas e dos materiais, quanto áreas aplicadas, como as estruturas de aço, concreto e alvenaria e de madeira. Ambas as áreas podem se valer de metodologias de pesquisa numérica ou experimental, nas quais o programa possui grande tradição.

A pesquisa nas áreas básicas, que emprega diferentes métodos, como o dos elementos finitos, diferenças finitas, elementos de contorno e, mais recentemente, as formulações não convencionais, onde se incluem os métodos sem malha e o método dos elementos finitos generalizados, objetiva a análise em regime linear e não-linear de sistemas e elementos estruturais, bem como a quantificação da confiabilidade dos elementos e sistemas considerados. Na mecânica das estruturas e dos materiais, têm sido estudados os modelos constitutivos para materiais em regime de fadiga, plastificação, dano e fratura, a análise dinâmica e a modelagem das interações solo-estrutura e fluido-estrutura. Além disso, as aplicações têm sido estendidas a novos materiais e estruturas, buscando assim cobrir campos mais amplos de aplicação além da Engenharia Civil, incorporando estruturas utilizadas nas Engenharias Mecânica, Aeronáutica e Naval.

Já os estudos nas áreas aplicadas visam o aprimoramento e o desenvolvimento de novas técnicas construtivas, a contribuição para a normalização de projetos estruturais e o apoio à validação de modelos matemáticos de estruturas em geral. Sistemas estruturais em aço, concreto, madeira e mistos têm sido estudados sob o efeito dos mais diversos tipos de carregamentos, mediante a utilização de modelos físicos e numéricos. As atividades de pesquisa vêm incorporando temas atuais como concretos de alto desempenho e com fibras, a recuperação e reforço de estruturas, o desempenho estrutural na ocorrência de incêndios, todos de grande importância. Além disso, modelos constitutivos para aço, concreto, argamassa armada, alvenaria, madeira e materiais compostos em geral têm sido propostos em função dos resultados obtidos nas análises efetuadas.

O Programa possui seis linhas de pesquisa ativas e nessas linhas atuam diversos professores em alguns projetos de pesquisa, sendo:

Estruturas de concreto e alvenaria
Estruturas de madeira
Estruturas metálicas
Materiais e mecânica dos materiais
Mecânica das estruturas
Métodos numéricos